MUNICÍPIO DE PRESIDENTE BERNARDES - PORTAL OFICIAL DO PODER EXECUTIVO MUNICIPAL, CIDADE

Simbolos

Versão para celular

O escudo samnítico, usado para representar o brasão de armas de Presidente Bernardes, foi o primeiro estilo de escudo introduzido em Portugal por influência francesa, evocando a raça latina colonizadora e principal formadora da nacionalidade brasileira.


A coroa mural, que o sobrepõe, é o símbolo universal dos brasões de domínio, pelo número de torres que ostenta e cor de metal em que é representada, classifica o brasão como pertencente a uma cidade de Segunda Grandeza, ou seja, sede de Comarca. A coroa mural ostenta oito torres, das quais apenas cinco são visíveis em perspectiva no desenho, de prata, como devem ser todas as coroas murais de cidades, com exceção das capitais, cujas coroas murais são representadas na cor do metal ouro.


O metal de prata, do campo do escudo, simboliza em heráldica a amizade, equidade, justiça, inocência, pureza, operosidade e paz.


A árvore, posta em abismo (centro ou coração do escudo) é um evocativo do primitivo topônimo "Guaruacáia", originado da existência, no local onde a povoação se desenvolveu, de uma grande árvore assim denominada. Contudo, heraldicamente, a árvore significa "concórdia", porque todos os seus ramos se unem a um tronco único, simbolizado sublimidade de pensamento dirigida a empresa gloriosa. O brasão de Presidente Bernardes é um simbolismo dos anseios de um povo que, pelo trabalho eficaz e realizador, promove a grandeza de sua cidade.


A cor sinopla (verde) simboliza vitória, honra, cortesia, civilidade e abundância. É a cor da "esperança" porque o verde alude aos campos verdejantes na primavera, fazendo esperar copiosa colheita.


A faixa ondeada de blau (azul) carregada de peixes de ouro, simboliza no brasão o Rio do Peixe, em cuja fisiografia está plantada a cidade.


Em ponta, a buzina de caça de sable (preto) representa a pecuária, uma das fontes de riquezas do Município.


Nos ornamentos exteriores, o amendoim e o algodão evocam os principais produtos oriundos da terra dadivosa e fértil.


Ao alto, sobre a coroa mural, o topônimo identificador - PRESIDENTE BERNARDES, e no listel, em letras de prata, o dístico - POR SÃO PAULO - PELO BRASIL, ladeados pelos milésimos 1919, data da fundação da cidade e 1935, data de sua elevação a Município


Hino de Presidente Bernardes


O nobre pioneirismo


De reais desbravadores


Cobertos de civismo


Incansáveis lutadores.


Em plaga generosa


Cravaram o esteio de uma povoação


E Guarucaia nasceu assim ditosa


Hoje louvada é o tema da canção.


(Estribilho)


Parcela deste Brasil


Que esbanja serenidade


De convívio terno e gentil


É nossa amada Presidente Bernardes.


Vibrante é a sua história


Sua gente por Deus ungida


Nas alturas em plena glória


Rogando está Nossa Senhora Aparecida.


Orgulha-se esta terra


De labor e liberdade


Do lema que ela encerra


Acolher com urbanidade


O forasteiro sente


No caloroso abraço fraternal


E no sorriso que estampa sua gente


E faz da terra o seu berço natal.





(Estribilho)


Seus filhos orgulhosos


Do presente e do passado


Se sentem esperançosos


De um futuro abençoado.


Há nomes destacados


Desde o esteio a edificação,


Com reverencia serão sempre lembrados


A eles glórias e eterna gratidão.


(Estribilho)


Avaliação da notícia:
PessimoRuimBomÓtimoExcelente
total de votos:

Nenhum comentário cadastrado no momento!
 

Pesquisar

Contato

Imprimir esta página

Copyright © Prefeitura Municipal - Todos os Direitos Reservados